fbpx

6 indicadores de clima organizacional: saiba quais são eles!

Renan Araújo

indicadores-de-clima-organizacional

Você já ouviu falar sobre os principais indicadores de clima organizacional? Levando em consideração que o clima é um dos pontos que mais gera impacto no desempenho de seus colaboradores, existe a necessidade de buscar analisar continuamente alguns dos sinais que demonstram que ele está abaixo do ideal.

Dessa forma, algumas medidas podem ser tomadas de forma pró-ativa, de modo que haja uma melhoria na percepção que os profissionais têm de sua organização.

Neste conteúdo, apresentamos alguns desses indicadores que merecem a atenção de sua empresa. Continue a leitura e saiba mais!

1. Turnover

O turnover é o movimento que leva à substituição de um profissional. Entre as principais causas que levam a um colaborador sair da empresa (de forma voluntária ou não), destacamos o tratamento diferenciado dado a equipes e pessoas, além da falta de oportunidades de executarem distintas demandas dentro da organização.

Ao mencionarmos sobre esse último ponto, estamos nos referindo à autonomia, tão importante para que os profissionais possam buscar por melhorias contínuas das suas atividades, bem como para as áreas nas quais estão envolvidos.

Além de todas essas questões, o clima organizacional negativo também é um fator relevante para as altas taxas de turnover. Problemas com a gestão e desgaste físico e emocional — além da cultura organizacional que não se alinha aos valores dos profissionais —, podem contribuir diretamente para a decisão do colaborador de sair da empresa e buscar novas oportunidades.

2. Absenteísmo

Entender sobre o percentual de absenteísmo é um importante ponto para orientar as gestões sobre o interesse do público interno em relação às atividades das empresas.

Quando mencionamos sobre absenteísmo, não estamos nos referindo apenas à ausência do profissional de suas atividades, como também dos atrasos e saídas durante o expediente.

Além disso, um tipo de absenteísmo muito comum e mais difícil de ser identificado é aquele motivado pela falta de engajamento. Nesse caso, existem os riscos de afetar a produtividade, além de o funcionário não cumprir com as suas obrigações ao longo da rotina.

Sendo assim, é fundamental que se faça uma avaliação individual e entenda o que levou às ausências ou ao desenvolvimento aquém da esperado. Porém, existem motivos que podem contribuir para que esse indicador de clima organizacional esteja em alerta, como:

  • lideranças inexperientes e sem diálogo;
  • falta de infraestrutura para os colaboradores;
  • atritos entre equipes e/ou entre funcionários;
  • assédio moral;
  • doenças ocupacionais;
  • ruídos de comunicação.

3. Produtividade

Conforme vimos, a produtividade é afetada em diferentes cenários dentro da empresa. Desde lideranças desengajadas até à falta de transparência entre a gestão e seus liderados e lideradas, acompanhar esse indicador de clima organizacional permitirá que possa avaliar o que tem impactado o dia a dia dos colaboradores, bem como traçar medidas eficazes para contornar a situação.

Entenda: se o problema apontado pelas equipes for a falta de apoio das lideranças, diversas estratégias podem ser adotadas. Entre elas, contar com uma ferramenta de gestão de desempenho que contribuirá para que a gestão possa avaliar:

  • prioridades de seus liderados — muitas vezes, o funcionário dedica parte de seus esforços para atividades que não tenham tanta prioridade naquele momento, o que afetará diretamente seus resultados;
  • sentimento da semana — entender como os liderados e lideradas se sentem permitirá uma avaliação mais próxima de seu rendimento, uma vez que questões externas podem afetar o seu desenvolvimento;
  • acompanhamento de 1:1s — 1:1s são reuniões periódicas entre lideranças e liderados, que possibilita um entendimento sobre seus desafios e dificuldades, além de estimular a interação entre gestor e colaboradores.

4. Qualidade de vida

Preocupar-se com a qualidade de vida dos colaboradores e entender como isso afeta o seu engajamento deixou de ser uma preocupação dos Recursos Humanos para se estender por toda a organização.

De acordo com uma pesquisa feita pela Gallup, em 2017, profissionais altamente engajados contribuem para um aumento da satisfação do cliente, o que gera um volume 20% maior de vendas. Outro ponto de destaque é que profissionais engajados apresentam um desempenho 147% melhor. Apesar desses números atrativos, essas pessoas representam apenas 13% dos profissionais.

Nesse sentido, quando os funcionários não se sentem bem em seus espaços de trabalho e apresentam continuamente reclamações a respeito de suas funções, naturalmente vai haver uma rotatividade maior, baixa produtividade e aumento do absenteísmo (outros indicadores de clima organizacional já mencionados neste material).

5. Comunicação Interna

Entre as principais vantagens de contar com uma comunicação interna alinhada, destacamos:

  • alinhamento da equipe de trabalho, o que contribui para que os times estejam direcionando seus esforços para as estratégias efetivas;
  • maior agilidade nos processos, uma vez que vai existir o entendimento de todas as etapas de trabalho de diferentes setores;
  • melhoria significativa no ambiente de trabalho;
  • maior engajamento dos profissionais.

Além disso, devemos mencionar que a ausência dessa comunicação poderá trazer impactos significativos para a rotina das pessoas:

  • ruídos de informações;
  • perda de credibilidade para a empresa;
  • riscos de haver problemas de relacionamento com os clientes.

Consequentemente, esse é um ponto fortemente ligado ao clima organizacional. Quando isso ocorre, há as chances de existirem desentendimentos, além de processos serem efetuados de forma equivocada. Nesse sentido, vão surgir conflitos, além de afetar os resultados do negócio.

6. Visibilidade da marca

Entender como está a visibilidade da marca no mercado também é um indicador de clima organizacional. A partir do momento que o colaborador se sente valorizado, ele vai se tornar um embaixador da empresa. Tal ponto vai reforçar o employer branding, além de trazer um entendimento de que as pessoas engajam com os projetos da organização, se alinham aos valores da empresa e se tornam consequentes propagadores da marca.

Neste conteúdo, você pôde entender quais são os indicadores de clima organizacional, a importância que isso tem para a empresa, além de avaliar como impacta no rendimento dos profissionais. Com o objetivo de ter um entendimento mais amplo sobre o assunto, torna-se essencial utilizar ferramentas para analisar o clima de seu negócio.

Dessa forma, a Pesquisa de Clima e Engajamento se torna uma importante aliada para entender como os profissionais se sentem em relação às suas lideranças, à autonomia oferecida, ao reconhecimento dado para os colaboradores e até mesmo à percepção em relação ao investimento em diversidade. Assim, há a possibilidade de traçar estratégias mais bem direcionadas, com foco nos gargalos avaliados.

Deseja entender um pouco mais sobre gestão de desempenho? Assine nossa newsletter e acompanhe as novidades da Qulture diretamente em sua caixa de entrada.