fbpx

O que é a escuta ativa? Saiba aqui!

Renan Araújo

escuta-ativa

Em uma empresa, existe a necessidade de buscar por alternativas para aumentar o engajamento dos times e contribuir para uma maior satisfação dos colaboradores com a organização e com o trabalho em equipe. De acordo com um estudo conduzido pela Gallup, apenas 27% das pessoas de um negócio são ativamente engajadas, enquanto o restante é desengajado ou ativamente desengajado — ou seja, desestimulam outras pessoas do time.

Por essa razão, lideranças precisam buscar estratégias que contribuam para melhorar esse quadro, e a escuta ativa se destaca nesse sentido. Neste material, a gente explica o que é, quais os ganhos de adotá-la no negócio e algumas práticas que podem ser implementadas. Continue a leitura e saiba mais!

O que é escuta ativa?

Normalmente, o ato de escutar é uma atividade passiva. Porém, para que haja uma escuta ativa entre lideranças, liderados e lideradas, é importante que a pessoa se concentre totalmente no que está sendo dito — em vez de escutar passivamente.

Para isso, vai haver sinais que demonstram que o interlocutor realmente está interessado no que o profissional está dizendo, além de evitar qualquer tipo de julgamento que possa impedir ou minimizar essa comunicação.

Nesse sentido, a escuta ativa envolve 3 princípios básicos:

  1. Empatia — a liderança se colocará no lugar do liderado ou liderada, trazendo compartilhamento de experiências que já vivenciou e como as situações foram geridas nesses casos;
  2. Perguntas investigativas — é importante que entenda detalhadamente o que a pessoa tem a dizer e, caso haja o interesse de identificar a causa raiz de um problema, realizar perguntas investigativas;
  3. Validação do entendimento — nesse momento, a liderança deve parafrasear o que foi dito para que haja a compreensão clara do que foi exposto.

Quais os benefícios da escuta ativa para as empresas?

Existem benefícios claros de implementar a escuta ativa em uma empresa. Entre eles, destacamos:

  1. Contribui para um melhor relacionamento entre lideranças, liderados e lideradas, além de a prática também poder ser adotada no dia a dia da equipe como um todo — influenciando em um relacionamento positivo com o time.
  2. Garante um melhor fluxo de informações de baixo para cima, o que contribui para que as lideranças possam tomar decisões proativas em vez de reativas.
  3. Fortalecimento da cultura organizacional, especialmente se houver a preocupação da liderança em linkar o que é dito com alguns dos valores praticados pela empresa.
  4. Aperfeiçoa a comunicação dos times como um todo.
  5. Redução de conflitos, principalmente pelo fato de os gargalos serem tratados com mais precisão.

Como praticar a escuta ativa com a equipe?

O ideal é que as lideranças utilizem o momento de one-on-ones para a prática da escuta ativa. Trata-se de uma reunião entre lideranças, liderados e lideradas, cuja pauta é formulada pelo próprio colaborador — momento em que serão discutidos assuntos importantes sobre a rotina da pessoa e o que pode ser aperfeiçoado.

Demonstre interesse

Mesmo de forma remota, demonstre interesse pelo que é dito. Tente fazer contatos visuais, uma vez que possibilitará entender a informação correta.

Imagine que você está apresentando a sua empresa para potenciais clientes e, ao expor alguns de seus principais tópicos, essas pessoas olham para baixo ou se mostram distraídas? Certamente, vai haver um desengajamento com a conversa — o que poderia acarretar, até mesmo, de não passar por todas as pautas para que aquele momento seja encerrado com mais rapidez.

Faça perguntas abertas

Conforme abordamos, fazer perguntas investigativas é um dos pilares da escuta ativa. Porém, é preciso ter o cuidado para esperar o liderado ou liderada terminar o que tem a dizer.

Além disso, é importante que as perguntas sejam abertas. Exemplo: suponhamos que recentemente houve mudanças em toda a estrutura da qual o seu time faz parte. Em vez de perguntar para o colaborador o que ele achou das transformações executadas, entenda como isso impactou a sua rotina como um todo — dessa forma, há a possibilidade de identificar gargalos que estejam nas entrelinhas, contribuindo para uma comunicação mais precisa.

Implemente estratégias baseadas no perfil de sua equipe

Nem todas as equipes funcionam da mesma maneira. É papel da liderança entender sobre o perfil de seus membros e traçar ações com base no que oferece mais resultados.

Se não houver a possibilidade de fazer one-on-ones com tanta frequência durante o mês (pelo fato de a equipe ser um pouco maior), uma sugestão é deixar um espaço aberto em sua agenda para que as pessoas interessadas em trazer alguma sugestão ou resolver alguma pendência tenham a oportunidade de entrar na sala com o objetivo de ter esse auxílio da liderança.

Além disso, utilize os canais assíncronos. Seja qual for o meio de comunicação adotado pela empresa, elabore um chat no qual as pessoas terão oportunidade de trazer ideias, sugestões e feedbacks, de modo que haja a oportunidade de aperfeiçoar constantemente as demandas da área.

Ofereça feedbacks

Feedback é o processo no qual uma pessoa contribui para que a outra possa se desenvolver de acordo com as suas próprias percepções. Levando em consideração que a escuta ativa é uma troca, ou seja, a liderança ouve e traz as suas percepções sobre o tema — respeitando sempre o momento — os feedbacks são indispensáveis nesse contexto.

No fim da reunião, se preocupe em parafrasear o que foi dito —conforme indicado mais acima — e traga sugestões de melhorias, o que tem sido positivo na situação apresentada e reconheça sempre que possível o trabalho de seu time.

Dessa forma, vai haver o entendimento de que o que foi dito, realmente, foi absorvido pela liderança, além de ser uma possibilidade para traçar possíveis planos de ação para algumas demandas que estiverem com problemas.

Neste conteúdo, você pôde entender o que é escuta ativa, quais são os diferenciais de adotá-la, além de conferir algumas dicas para implementar com a sua equipe. Quando todas essas sugestões forem praticadas de forma natural, não deixe de trazer os seus aprendizados para todo o time. Dessa forma, todas as pessoas terão a oportunidade de aplicar essa estratégia e de usufruir dos ganhos apresentados.

Ao longo do conteúdo, mencionamos sobre melhorias no relacionamento da equipe com a prática da escuta ativa. Em uma empresa, é essencial entender sobre a percepção das pessoas sobre os mais diversos aspectos de sua experiência. Para isso, o clima organizacional é essencial. Com o objetivo de saber mais sobre o tema, continue no blog e boa leitura!