fbpx

OKR e clima organizacional: entenda essa relação

Renan Araújo

okr-e-clima

Você sabe qual a relação entre o clima organizacional e o uso da metodologia OKRs? Primeiro, vamos a uma definição breve sobre ambos. Enquanto o Clima Organizacional é a percepção de colaboradores e colaboradoras sobre processos, políticas e práticas da empresa, a metodologia OKR é um sistema de metas coletivas e individuais que convergem para a busca de metas globais de uma organização. 

A princípio, entender como esses conceitos se convergem pode parecer um pouco complicado. No entanto, elaboramos este material para que você tire suas dúvidas! Continue a leitura e saiba mais!

Confira um pouco mais de contexto 

Antes de respondermos à pergunta principal, vamos trazer um pouco mais de contexto. 

De acordo com a pesquisa da Gallup de 2018, 53% dos colaboradores e colaboradoras se classificariam como “não engajados” no trabalho, o que significa que eles podem estar satisfeitos, mas não estão conectados. Embora essas colaboradoras e colaboradores ainda possam executar suas funções, elas provavelmente não estão desempenhando o melhor de sua capacidade e certamente não estão fazendo uma contribuição significativa para e para a cultura da sua organização.

Na mesma pesquisa, a Gallup estimou que as colaboradoras e colaboradores desligados custam às empresas americanas em torno de $450 a  $550 bilhões por ano. Esses números são assustadores e têm sido o assunto de muitas discussões, bem como a fonte de muitas investigações sobre possíveis soluções para essa “pandemia” corporativa que ameaça as organizações em todo o mundo.

O impacto dos colaboradores e colaboradoras descomprometidos é um problema financeiro relevante, com o qual muitas organizações estão lutando e tentando resolver por meio de altos investimentos. 

Mas a pergunta é: 

Você está fazendo os investimentos certos para ajudar a aumentar o engajamento e retenção do seu time? 

Embora muitas empresas tenham evoluído em rankings como  “Great place to work”,  investindo em estrutura, mesas de pingue-pongue, videogames ou lançando novos programas de reconhecimento monetário é comprovado que esses esforços podem mover a agulha de forma positiva, mas não podem sustentar o engajamento ao longo do tempo. 

Então, que tal pensar em soluções mais permanentes?

Metodologia OKR e clima organizacional: entenda como se convergem

A seguir, explicamos como as OKRs e o clima organização estão intimamente ligados. 

Conexão com a estratégia da empresa

Uma das maiores causas do desinteresse dos times é a baixa conexão que eles sentem com a estratégia da empresa. Pesquisas descobriram que 84% das colaboradoras da “linha de frente”  não entendem as suas ligações com as prioridades corporativas. E por que isso é um problema? Se eles e elas não conseguem ver para onde estão indo, como vão se preocupar em chegar lá?

Transparência com o uso de OKRs

A transparência que o uso de OKRs gera em toda a organização permite que os times alinhem seus esforços com os objetivos maiores, reconhecendo seu valor e contribuição para a empresa. Metas inspiradoras e eficazes levam a uma menor rotatividade e a um melhor clima. Quem nunca ouviu a expressão: “Aqui eu sinto que faço parte de algo maior”? Por outro lado, trabalhar em um negócio que não tem clareza para onde está indo, pode ser muito desmotivador.

Papel das lideranças 

As OKRs  não apenas ajudam a entender a direção da empresa, mas também ajudam as lideranças a conduzir melhor suas equipes, trazendo foco, priorização e ajudando a levantar possíveis ajustes de rota. Que colaboradora ou colaborador gostaria de ter seus focos revisados apenas anualmente?

Para isso, as OKRs devem ser facilmente mensuráveis. Dessa forma, as líderes podem acompanhar o progresso dos planos de ação e realizar ajustes quase que real time.

Acompanhamento da satisfação das pessoas de sua empresa

Para finalizar, uma curiosidade: Muitos me perguntam se a satisfação geral das colaboradoras e colaboradores é uma boa métrica para se acompanhar via OKRs. Vamos lá!

Muitas empresas utilizam o eNPS (Employee Net Promoter Score). Originalmente, o NPS é uma metodologia utilizada como métrica de avaliação da experiência do cliente. A partir da pergunta “Em uma escala de 0 a 10, o quanto você indicaria nossa empresa para um amigo?” é verificado o nível de satisfação e de fidelidade dos clientes.

O employee net promoter score traz essa pergunta internamente para a empresa. Assim, é possível mensurar a lealdade e a satisfação do funcionário em relação à cia. 

O eNPs é uma medida simples e que pode ajudar a sua empresa na atração de talentos e na construção positiva da sua marca empregadora. No entanto, temos que tomar cuidado com alguns resultados que ela pode acabar escondendo sobre temas específicos e importantes para a retenção do time — por isso, nossa sugestão é sempre ter pesquisas pulsadas que te ajudem a criar bons planos de ação.

Resumindo, você pode colocar a evolução do clima como um objetivo sim, mas a diferença estará na execução, no como perguntar e na efetividade dos planos que você irá implementar e comunicar ao longo dos meses. 

E na sua empresa? Como você está direcionando suas colaboradoras e colaboradores? E como você está medindo se eles e elas estão realmente engajados?

Se quiser saber mais, entre em contato com a nossa equipe, converse com nossos profissionais e tire suas dúvidas!

Autora: Renata Monteiro, Professional Services na Qulture.Rocks