fbpx

Fui Contratado Durante a Quarentena. E Agora?

João Filipe

Feedbacks

Essa foi a dúvida que perdurou na minha cabeça quando soube que havia sido aprovado no meu novo estágio na Qulture.Rocks.

Como em qualquer início de emprego, ou no meu caso estágio, existe o período de integração, de entrega de documentos, de conversas com sua equipe e gestão, mas e como isso ocorreria agora na Qulture.Rocks – com todos os colaboradores trabalhando remotamente?

A resposta foi extremamente simples: online! Claro!

A documentação foi o primeiro item realizado de forma remota. Toda a documentação necessária foi escaneada e enviada na plataforma parceira da empresa, e que por mais simples que pareça a ideia, dificilmente ocorre nas empresas mais tradicionais. Por exemplo, tente se lembrar da última vez que precisou entregar algum documento pro seu RH. Entregou em mãos? Se a resposta foi sim, agora imagine quanto tempo você teria economizado com o tempo de deslocamento, com o tempo de espera até que algum responsável pudesse receber essa documentação, que até poderia ser simples, como um atestado médico, mas que levaria alguns minutos. Esse tempo poderia ser otimizado com o envio de uma versão digital do documento. Se esse processo já foi adotado na sua empresa, então seu tempo já foi bem otimizado, concorda?

Mas e quanto a integração? Como entender como funcionam os processos da empresa, produtos, mercado, departamentos, pessoas, tudo isso remotamente?

A Qulture.Rocks me ensinou, com tanta maestria que parecia até que já haviam feito isso diversas outras vezes. De início, Onboarding com o RH, via videoconferência, e no meu caso, muitas conversas, por e-mail mesmo, com os líderes. Todos os dias, cerca de 3 Onboarding de áreas diferentes, em conferências de cerca de uma hora, passando por todas as áreas e times da empresa. Simples, não? Mas se isso fosse feito no modelo tradicional, essa reunião precisaria ser marcada no mínimo com uma semana de antecedência. Como ficariam os colaboradores que já trabalham de forma remota? E se mais alguém precisasse da sala de reunião naquele mesmo horário? São alguns dos exemplos que fariam com que esse Onboarding tivesse que ser remarcado pra outro horário, dia, ou até mesmo não acontecesse. Por fim, depois de 2 dias, já havíamos passado por diversos times e áreas e, por consequência, já havíamos conhecido boa parte dos colaboradores, o que em empresas grandes, pode demorar a acontecer.

Por fim, o mais importante, como começar a trabalhar remoto desde o primeiro dia?

Essa resposta é a mais simples de todas! Trabalhando como se estivesse na empresa!

Participei de reuniões, planejamentos, 1:1, alinhamento de expectativas, e respondo a desafios diários, como se estivesse ao lado da minha equipe!

Em todas as reuniões, apresentações, desafios propostos, é extremamente necessário se mostrar à vontade com os assuntos, fazer perguntas, estar presente!

Não existe uma fórmula magica pra trabalhar remotamente no início de um novo ciclo, mas fazer com que ele inicie da melhor forma é o que diferencia a sua empresa, o seu colaborador, dos demais, que talvez não se adequem de maneira constante ao modelo de trabalho atual, remoto.

Fato é que a quarentena está redefinindo os métodos e processos de trabalho atual, a integração de um novo funcionário, assim como novas funções iniciais, como a que vivi durante a última semana, precisa se adaptar sempre aos novos modelos.

E como você e sua empresa estão se adaptando aos processos durante a quarentena?

Precisa de ajuda? Dá uma olhadinha no material fantástico que nós preparamos sobre trabalho remoto: O Coronavírus Levou Sua Empresa a Fazer Home Office?