fbpx

Pesquisa de Clima Organizacional: o que é e a sua importância

Renan Araújo

pesquisa-de-clima-organizacional

Pesquisa de clima organizacional é uma das ferramentas mais importantes disponíveis para a área de recursos humanos.  Ela pode ajudar uma organização a criar as condições necessárias para melhorar seus resultados de negócio e a retenção de seus talentos.

Diversas pesquisas mostram que colaboradores engajados (vamos falar um pouco mais sobre o que é o engajamento) entregam resultados melhores para suas organizações. Portanto o assunto é estratégico. No entanto, pesquisas também mostram que a grande maioria da força de trabalho é pouco engajada: a Gallup, referência no assunto, descobriu em estudo que apenas 13% da força de trabalho mundial pode ser considerada engajada.

Mas por que estamos falando sobre engajamento em um artigo sobre pesquisa de clima organizacional? Porque o clima organizacional é um componente importante do engajamento. E como vimos, engajamento dá resultados. A pesquisa de clima organizacional é uma ferramenta que mede as percepções de colaboradores e colaboradoras sobre diversos aspectos da sua experiência, aspectos estes que são entendidos como preditores do engajamento.

Pensando em como você pode usar a pesquisa de clima organizacional para entregar mais resultados na sua organização, elaboramos este material. Continue a leitura e saiba mais!

O que é clima organizacional?

Primeiro, vamos ao conceito de clima organizacional. De maneira simplificada, o clima organizacional é a percepção dos colaboradores e colaboradoras de uma organização sobre os processos, políticas e práticas da empresa.

O clima organizacional é um construto, ou seja, um conceito criado a partir de outros conceitos. Por isso, quando falamos de clima, falamos necessariamente dos seus componentes. Segundo a literatura científica sobre o assunto, o clima organizacional é um amalgamado das percepções dos colaboradores e colaboradoras em relação a diversos aspectos da sua experiência, como:

  • Remuneração e benefícios
  • Oportunidades de crescimento profissional
  • Justiça em relação a méritos e promoções
  • Equipamentos de trabalho (softwares, escritório, computadores, etc.)
  • Trabalho em times
  • Liderança direta etc.

Caso Facebook

Existem empresas que são referências em clima organizacional. O Facebook é uma delas. Entre os principais pilares adotados pelo negócio, destacam-se a colaboração, a liberdade e a inovação, que garante a boa comunicação entre os profissionais. Consequentemente, cria-se um ambiente que possibilita a busca contínua por novos aprendizados, bem como abre espaço para que profissionais possam expor suas ideias em relação às suas áreas de atuação.

Conforme abordamos, a estrutura física é um dos fatores que refletem no clima. Mesmo sendo uma empresa presente em todo o mundo, o escritório do Facebook traz diferenciais aos seus colaboradores e colaboradoras, permitindo um ambiente mais agradável e inspirador para executar as suas atividades.

Na empresa, profissionais podem usufruir da flexibilidade de horários. Benefícios oferecidos às pessoas vão muito além dos obrigatórios, englobando serviços como:

  • lavanderia;
  • consultório médico;
  • acupunturistas;
  • cabeleireiro; entre outros.

Assim, há a oportunidade de executarem algumas das atividades dentro da organização, o que não ocuparia tempo fora do espaço de trabalho.

Caso Google

Tomar decisões baseadas em dados está entre os principais pilares do Google para criar uma cultura de inovação. Por meio deles, os recursos humanos da gigante global conseguem entender a dinâmica das próprias interações humanas e as práticas de liderança para fazerem escolhas mais inteligentes. 

O Googlegeist, por exemplo. Trata-se de uma pesquisa anônima enviada todos os anos para os Googlers de todo o globo. Com uma taxa de resposta alta (cerca de 90%), a pesquisa aborda pontos como: 

  • como está o bem-estar dos profissionais; 
  • o que os colaboradores e colaboradores pensam sobre a cultura da empresa;
  • qual é a percepção sobre as suas lideranças; 
  • qual é a percepção sobre a remuneração; 
  • como está o equilíbrio entre a vida pessoal e a vida profissional; 
  • qual é a percepção em relação à diversidade;
  • oportunidades de carreira; entre outras questões. 

Quando a pesquisa é aplicada, a equipe de Análises de Operações de Pessoas divide os resultados de todas as formas (departamento, gerência, região, tempo de permanência na empresa etc.) e compartilha com todas as pessoas. 

As gerências, então, analisam os dados de suas respectivas áreas e são estimulados a utilizarem essas informações para aprimorar a tomada de decisão. 

O que é um bom clima organizacional?

Uma organização com um bom clima organizacional é uma organização onde os colaboradores e colaboradoras têm uma percepção positiva das suas práticas, processos e políticas, que como vimos podem ser relacionadas a comunicação interna, trabalho em times, liderança, remuneração e benefícios, entre outros aspectos.

Qual a diferença de Clima Organizacional para Cultura Organizacional?

Os conceitos de clima organizacional e cultura organizacional são muito comumente confundidos, inclusive evoluíram de maneira muito próxima e só mais recentemente têm se tornado mais claramente separados.

Como já vimos, clima organizacional é a percepção de colaboradores e colaboradoras de uma organização em relação aos seus processos, práticas e políticas. A cultura organizacional, por outro lado, é o sistema composto, de um lado, por artefatos, histórias, valores, e, de outro, pelos comportamentos que esses fatores criam nas pessoas. Os dois conceitos se alimentam mutuamente, mas são diferentes.

Vamos a um exemplo prático que pode ajudar a desatar esse nó. Quando estudamos o clima organizacional de uma empresa, vamos tentar entender se colaboradores entendem que a empresa busca reconhecer os comportamentos alinhados com a sua cultura. Quando estudamos a cultura organizacional, por outro lado, queremos entender quais comportamentos específicos estão sendo reforçados por esse reconhecimento e se há outros fatores influeciando comportamentos individuais e de grupo.

Por fim, vale ressaltar mais uma vez que apesar de diferentes os temas são relacionados: os resultados de um diagnóstico de clima organizacional são muito úteis para que a cultura organizacional de uma empresa seja completamente entendida.

Leia mais: O que é Cultura Organizacional?

O que é Pesquisa de Clima Organizacional?

Agora que você já sabe o que é o Clima Organizacional, chegou o momento de entendermos o que é a Pesquisa de Clima Organizacional. 

A Pesquisa de Clima Organizacional é uma pesquisa que a empresa manda para uma amostra ou para 100% dos seus colaboradores e colaboradoras e que possui afirmativas que são avaliadas. 

O resultado dessa pesquisa é um diagnóstico do Clima Organizacional da empresa, ou seja, da percepção de colaboradores e colaboradoras de uma organização em relação aos seus processos, práticas e políticas.

A Pesquisa de Clima Organizacional geralmente é dividida em dimensões — ou temas, como já vimos antes. Em cada um desses temas há uma série de afirmativas que geralmente são avaliadas numa escala chamada Likert de 5 pontos, que vai de “Discordo totalmente” a “Concordo totalmente”. Algumas afirmativas ilustrativas são:

  • Aqui na empresa, as pessoas são reconhecidas pelo seu trabalho
  • Aqui na empresa, somos remunerados de maneira justa
  • Aqui na empresa, nossos equipamentos de trabalho são adequados para o trabalho

Claro que a Pesquisa de Clima Organizacional por si só serve apenas de diagnóstico. O passo seguinte da área de RH é estudar os resultados, planejar intervenções nas práticas, políticas e processos da empresa, além de monitorar se essas intervenções:

 a) geraram mudanças no Clima Organizacional

 b) quando positiva, se a mudança no Clima Organizacional promoveu resultados palpáveis de negócio.

Agora veremos com mais detalhes quais são possíveis dimensões de uma pesquisa de clima organizacional.

Visão da empresa por parte dos colaboradores

Por meio dessa ferramenta, os profissionais têm a possibilidade de darem suas percepções sobre como a empresa é vista. Dessa forma, ele vai trazer o seu ponto de vista se a organização é um bom local para trabalhar ou não.

Autonomia

De acordo com uma pesquisa realizada pela McKinsey, entre as principais tendências de gestão de pessoas observadas para os próximos anos, a inclusão dos profissionais no planejamento estratégico se torna fundamental. Cada vez mais as organizações precisarão contar com equipes que tenham maior autonomia, mais maduras e orientadas para uma visão global.

Nesse sentido, entender como anda esse ponto em sua organização torna-se importante para que as lideranças tracem estratégias mais eficazes que permitam trazer essa autonomia.

Entre as vantagens que isso traz, pode-se destacar:

  • maior responsabilidade para a equipe;
  • resultados mais efetivos;
  • desenvolvimento de novas habilidades;
  • atração de talentos.

Benefícios

Conforme apresentamos o exemplo do Facebook, oferecer benefícios além daqueles obrigatórios é um dos pontos que permitem um clima organizacional positivo. De acordo com uma pesquisa feita pela Gallup com profissionais dos Estados Unidos, cerca de 1/3 dos profissionais trocariam de empresas devido a benefícios mais atrativos.

Em outro levantamento da Gallup, a flexibilidade contribuem diretamente para o engajamento: empresas que adotam o trabalho remoto em pelo menos 60% e 80% da rotina usufruem de:

  • 41% menos faltas;
  • chances 40% menores de os trabalhos apresentarem algum tipo de qualidade inferior ao esperado;
  • 21% a mais na lucratividade.

Diversidade

Hoje, mais do que nunca, tornou-se fundamental preocupar-se com a diversidade nas organizações. É o que comprova uma pesquisa completa realizada pela McKinsey. Empresas que se preocupam com essa questão podem usufruir de:

  • 152% mais chances de colaboradores proporem novas ideias e soluções para as suas atividades diárias;
  • 77% de chances de a empresa utilizar ideias externas (benchs) para melhorarem os seus produtos; 
  • 76% mais chances de concordar que a empresa utiliza os feedbacks obtidos pelos clientes para trazer melhorias aos seus processos e ao seu atendimento;
  • 72% de probabilidade de que a empresa traz melhorias consistentes nas formas de executar as demandas;
  • 64% mais chances de confirmar que a empresa abre espaço para novos aprendizados e para o compartilhamento de conhecimento.

Liderança

De acordo com uma pesquisa realizada pela Gallup, líderes representam 70% do engajamento e da produtividade dos profissionais. Além disso, 82% das organizações falham aos escolher seus líderes. Segundo o mesmo levantamento, a cada 10 colaboradores contratados, apenas um tem talento para a liderança.

Nesse sentido, entender a percepção que os profissionais têm em relação aos seus líderes é essencial para que as equipes possam tomar medidas efetivas para gerar confiança dos colaboradores, além de trazer um melhor direcionamento para os times de acordo com as necessidades das pessoas.

Reconhecimento

O reconhecimento é uma estratégia importante para gerar engajamento aos profissionais em uma empresa. É o que prova algumas pesquisas sobre o tema:

  • líderes que reconhecem seus liderados e lideradas contribuem para um aumento de 60% no engajamento dos times, de acordo com um levantamento feito pela Tower Watson;
  • em uma pesquisa da McKinsey, foi comprovado que elogios por parte das lideranças são mais motivadores até mesmo do que bônus em dinheiro;
  • cerca de 41% das empresas que implementaram algum tipo de reconhecimento em seus times puderam analisar melhorias dos resultados de satisfação do consumidor, de acordo com o levantamento feito pela SHRM;
  • segundo a BCG, apreciação e reconhecimento são considerados um dos principais drives de “felicidade no trabalho”. 

Sam Walton, fundador do Wal-Mart, declara que “manter tanta gente motivada a fazer o seu melhor envolve uma série de programas e sistemas que desenvolvemos no Wal-Mart ao longo dos anos, mas nenhum deles funcionaria sem uma coisa muito simples que junta tudo: reconhecimento.”

E completa: “todos nós gostamos de ser elogiados. Então o que praticamos na empresa é procurar comportamentos que possamos elogiar. Busque coisas que estão dando certo. Queremos que nossa turma saiba quando estiver fazendo um trabalho excelente, e que saiba que são importantes para nós.” 

Nesse sentido, contar com uma ferramenta que possa analisar como o time se sente reconhecido possibilita à organização usufruir de todos os ganhos apresentados (e comprovados por estatísticas!).

Existe uma frequência ideal para aplicar a Pesquisa de Clima Organizacional?

Inicialmente, vamos entender o seguinte questionamento: o que leva à eficácia de uma Pesquisa de Clima Organizacional? Certamente, o primeiro passo é preocupar-se com a sua implementação. Para isso, buscar por uma ferramenta ideal que permita uma melhor experiência de seus profissionais e também uma análise mais precisa dos resultados obtidos contribuirá efetivamente para o sucesso do método.

Em relação à periodicidade, não existe uma fixa que deva ser generalizada para todas as empresas de todos os segmentos. O ideal é que a equipe tenha tempo efetivo para avaliar as respostas e possa traçar planos para trazer melhorias aos pontos observados (e, na próxima pesquisa, verificar se a percepção dos profissionais mudou depois das ações aplicadas).

Quais são as principais vantagens da Pesquisa de Clima Organizacional?

A seguir, selecionamos algumas das principais vantagens de adotar a Pesquisa de Clima Organizacional. Confira!

Retenção de talentos

De acordo com a pesquisa desenvolvida pela Robert Half entre os anos de 2010 e 2014, o Brasil teve o pior aumento no índice de turnover entre 13 nacionalidades analisadas. Na média global, a taxa ficou em torno de 38%. No Brasil, esse número foi de 82%.

Além disso, de acordo com um recente levantamento do Novo CAGED, em maio de 2020 a quantidade de admissões caiu cerca de 9,6%. Em contrapartida, as demissões cresceram em 10,5%. Quando comparamos regiões, o Nordeste e o Sudeste foram os mais afetados: ao compararmos a quantidade de empregos gerados e perdidos, o primeiro teve uma queda de -2,99%, enquanto o segundo -2,22%.

Por meio de ferramentas adequadas para a aplicabilidade da Pesquisa de Clima Organizacional, existe a possibilidade de cruzar dados de desempenho com os dados da pesquisa de clima e engajamento. Assim, existe a possibilidade de entender a percepção dos talentos sobre:

  • a própria empresa;
  • os benefícios oferecidos;
  • a cultura;
  • as políticas e processos de recursos humanos;
  • a estratégia; entre outras.

Trazer iniciativas de diversidade e inclusão

Conforme abordamos, o tema de diversidade é um dos pontos que podem ser adotados na Pesquisa de Clima Organizacional. Dessa forma, há a possibilidade de verificar qual é o sentimento de pertencimento por parte das minorias (se elas se sentem incluídas ou excluídas).

A partir dos resultados obtidos, existe a possibilidade de traçar planos de ação específicos para que todos os talentos se sintam parte da cultura. Consequentemente, a organização poderá verificar os impactos tão expressivos mencionados mais acima.

Gerar ações para aperfeiçoar as lideranças

As pesquisas de liderança contribuirão para que a empresa tenha um raio-x preciso da percepção de liderados e lideradas sobre suas líderes e seus líderes. A partir desse entendimento, há a possibilidade de traçar ações de treinamento e desenvolvimento, além de utilizar outras ferramentas que possam trazer mais proximidade entre gestores(as) e seu time.

Neste conteúdo, você pôde entender o que é a Pesquisa de Clima Organizacional, o que ela pode medir, além de conferir algumas das principais vantagens de aplicá-la em seu negócio. Conforme vimos, entender a percepção que o seu time tem sobre distintos tópicos é essencial para que as lideranças tracem estratégias eficazes que contribuem para o engajamento e para a retenção de bons profissionais.

Se deseja conhecer uma ferramenta que possibilite essa aplicação de forma clara, além de trazer a oportunidade de uma avaliação mais precisa, entre em contato com o nosso time e tire suas dúvidas com nossos profissionais!