fbpx

Ambiente de trabalho saudável: entenda o que é e como implementar

Renan Araújo

ambiente-de-trabalho-saudavel

O que é um ambiente de trabalho saudável? É aquele que estimula os profissionais a oferecerem o seu melhor, com uma boa produtividade e alcançando resultados cada vez mais satisfatórios. Buscar por estratégias que alcancem esse objetivo trará benefício não apenas para a empresa, como também para os próprios colaboradores.

Em uma organização, existe a necessidade de buscar continuamente por estratégias que possam motivar seus profissionais. Em uma recente pesquisa elaborada pela Gallup, apenas 13% dos profissionais do mundo inteiro estão efetivamente engajados. Número preocupante, tendo em vista que esse fator traz resultados diretos para a imagem do negócio e para a lucratividade. Nesse sentido, buscar por um ambiente de trabalho saudável é uma estratégia que trará ganhos não apenas para a empresa, como também para os colaboradores.

Neste conteúdo, entenda sobre a importância de um bom ambiente de trabalho, além de conferir dicas práticas de como conquistá-lo. Boa leitura!

Qual a importância de oferecer um bom ambiente de trabalho aos profissionais?

Inicialmente, apresentaremos alguns dos principais ganhos de oferecer um bom ambiente de trabalho aos profissionais. Confira!

1. Afeta a motivação de forma positiva

O primeiro deles está relacionado à motivação dos profissionais. Você já parou para pensar sobre o quanto que o ambiente onde frequentamos tendem a afetar o nosso humor e a produtividade? Se estivermos em um local onde as pessoas se auxiliam constantemente no dia a dia, buscam aprender e a ensinar, além de ter empatia com o próximo, consequentemente teremos atitudes semelhantes, o que afetará de forma muito positiva a qualidade do trabalho feito.

Da mesma forma, se o espaço não é aberto para o diálogo e nem mesmo para a interação entre os profissionais, o clima criado pode prejudicar os resultados do negócio (e até mesmo aumentar rotatividade)

2. Diminui a taxa de turnover

Por falar em rotatividade, não podemos deixar de mencionar sobre a taxa de turnover. Como essa taxa pode prejudicar a sua empresa? Entenda:

  • custos com encargos trabalhistas;
  • insegurança para os profissionais que permanecem na empresa;
  • piora para o clima organizacional;
  • perda de talentos;
  • prejuízos para a imagem do negócio;
  • problemas de relacionamento com os clientes.

No Brasil, esse é um problema cada vez mais comum. De acordo com uma pesquisa da Robert Half, a taxa de turnover entre as empresas de nosso país aumentou 82% entre os anos de 2012 e 2014. Entre as causas identificadas, o desgaste físico e psicológico dos profissionais por um ambiente de trabalho negativo é uma das principais, comprovando a necessidade de se investir nesse sentido.

3. Maior qualidade de vida ao profissional

Em uma pesquisa realizada pela Catho em 2018, 64% dos profissionais desejam a melhorar a qualidade de vida. Hoje, colaboradores buscam muito mais do que apenas bons salários: procuram por uma empresa cuja cultura se alinha aos seus ideais, além de estarem em um ambiente propício ao seu desenvolvimento, a novos aprendizados e que seja aberta ao diálogo.

Especialmente em um período no qual o home office ganhou destaque, apenas preocupar-se com a estrutura física já não é mais suficiente. Ambiente de trabalho saudável é aquele se preocupa com o funcionário e promove a sua satisfação — estratégias essas que, aliadas à preocupação em oferecer boas condições e equipamentos, consequentemente trarão maior produtividade do pessoal.

4. Confere mais autonomia ao profissional

Os benefícios de oferecer autonomia ao seu quadro de colaboradores são muitos. Entre eles, podemos destacar:

  • aumento do sentimento de pertencimento do colaborador em relação à empresa;
  • aumento da responsabilidade de toda a equipe;
  • atração de talentos competitivos do mercado;
  • resultados mais efetivos;
  • desenvolvimento de novas habilidades.

De acordo com uma pesquisa da Page Talent (empresa especializada no recrutamento de colaboradores), 58% dos profissionais têm mais facilidade em desenvolver suas atividades no dia a dia de forma mais independente, o que comprova a importância de oferecer mais autonomia aos seus funcionários.

No entanto, isso só será possível se oferecer um ambiente de trabalho saudável. Quando o clima da empresa não é favorável, naturalmente há uma maior dificuldade por parte das pessoas em desenvolverem suas atividades, necessitando continuamente recorrer às suas lideranças para tomar decisões.

Tal gargalo tende a travar as demandas, impedindo com que a empresa se desenvolva nos pontos mencionados.

Novamente, voltamos a um importante ponto que deve ser levado em consideração para trazer um ambiente de trabalho saudável: o estímulo ao diálogo, essencial para o sucesso dos projetos. É o que prova uma pesquisa realizada pelo Project Management Institute Brasil (PMI): de acordo com o levantamento feito, 76% de 300 grandes empresas mencionaram que a falta de comunicação é o que impede o avanço de diversas atividades propostas.

Em um espaço que oferece um ambiente de trabalho saudável, por outro lado, traz margens para que profissionais possam conversar, expor suas ideias e propor inovações.

Como criar um ambiente de trabalho saudável?

Agora que você já sabe sobre a importância de contar com um ambiente de trabalho saudável, chegou o momento de explicarmos algumas dicas práticas para chegar a esse resultado. Confira!

1. Aumente o envolvimento dos colaboradores com a estratégia da empresa

O que se caracteriza o termo funcionários envolvidos? Trata-se de colaboradores que estão ligados emocionalmente e psicologicamente ao seu trabalho e ao local de trabalho, contribuindo para a criação de relacionamentos positivos e, consequentemente, de resultados mais atrativos.

Segundo uma pesquisa da Gallup no mercado norte-americano, apenas um terço dos profissionais se sentem envolvidos em seu trabalho. Além disso, esse mesmo levantamento chegou à conclusão de que colaboradores envolvidos são 17% mais produtivos, com uma taxa de ausência até 41% menor.

2. Desenvolva suas lideranças

No entanto, uma dúvida comum entre as equipes é: como melhorar esse envolvimento? Desenvolver suas lideranças é o primeiro passo. Afinal, a cultura de envolvimento deve partir de cima, na qual líderes estimulam seus liderados e lideradas a buscarem por novos aprendizados e a alcançarem objetivos mais desafiadores.

Além disso, para aumentar o envolvimento de lideranças e de seus liderados e lideradas quanto aos objetivos da empresa, busque trabalhar com OKRs. Trata-se de um sistema de metas coletivas e individuais que convergem para as metas globais de uma empresa. Essa definição é feita de forma mais bottom-up: funcionários são incentivados a definir suas metas em alinhamento com objetivos mais elevados, estimulando-os a alcançar esse resultado.

3. Trabalhe com feedbacks

Feedback é o processo no qual uma pessoa contribui para que a outra possa se desenvolver por meio de suas próprias percepções — sejam elas negativas, sejam elas positivas. Especialmente para empresas que trabalham com colaboradores Millenials (nascidos entre 1980 e 2000), é fundamental buscar por essa estratégia no dia a dia das equipes.

Entre as principais características observadas por essas pessoas, o espírito empreendedor é considerado um dos mais marcantes. Sonham muito e aspiram cargos de liderança. Por essa razão, como têm um total interesse no outro e também com a transparência, o feedback contribui para direcionar ações e comportamentos rumo aos principais objetivos, permitindo trazer insights para o seu dia a dia.

Outras vantagens observadas por adotar o feedback:

  • melhoria na gestão de pessoas e de equipes;
  • maior fluidez da comunicação;
  • possibilidade de delegar com mais controle;
  • agregar valor ao perfil profissional dos colaboradores.

4. Apoie a diversidade e a inclusão

Ambiente de trabalho saudável também é aquele que apoia a diversidade e a inclusão. Sim, esses conceitos são diferentes. Enquanto o primeiro contribui para reunir, em um quadro de colaboradores, pessoas que tenham narrativas que sofrem algum tipo de rejeição social, o segundo se refere às estratégias adotadas pelo seu negócio para que ele se torne inclusivo a elas. Entenda: abrir vaga para PCDs é diversidade. Estar em um espaço que ofereça acessibilidade é inclusão.

A empresa que é diversa e inclusiva, consequentemente, oferece um espaço saudável, estimulando o diálogo, a inovação e contribuindo para um maior senso de pertencimento.

5. Aposte em Pesquisa de Clima Organizacional

A Pesquisa de Clima Organizacional é uma ferramenta de gestão de pessoas que consegue identificar padrões comportamentais, problemas de convivência e também de conflitos, possibilitando traçar estratégias que auxiliem na resolução desses gargalos.

Com o objetivo de aumentar a produtividade dos profissionais e também de entender o quanto eles se sentem confortáveis e motivados em suas funções, a pesquisa vai medir a satisfação e avaliar quais são os pontos de preocupação e atenção da empresa.

Além disso, ao utilizar ferramentas adequadas para realizar essa análise, a equipe tem a oportunidade de verificar até mesmo as respostas oferecidas por uma parcela de colaboradores (high performers, por exemplo), podendo traçar ações para a retenção desses talentos.

Todos esses pontos influenciam diretamente em um ambiente de trabalho saudável, uma vez que os próprios profissionais terão a oportunidade de oferecerem um retorno sobre o clima da organização.

Neste conteúdo, você pôde entender o que é um ambiente de trabalho saudável, qual é a importância que isso traz para a empresa e como é possível conquistá-lo. Com o objetivo de conquistar esse diferencial e também ter a oportunidade de atrair e reter talentos, é fundamental buscar oferecer continuamente feedbacks para toda a equipe, realizar reuniões periódicas de 1:1s para entenderem as dificuldades e desafios de liderados e lideradas, além de ser uma organização aberta ao diálogo e à inovação.

O que achou deste material? Para ter acesso a outras dicas e novidades como essas, assine nossa newsletter e tenha nossos conteúdos diretamente em sua caixa de entrada!