fbpx

Comitê de sucessão: entenda o que é e sua atuação no processo sucessório

Renan Araújo

comite-de-sucessao

Na estruturação de um processo sucessório, o comitê de sucessão é o momento em que a equipe vai discutir sobre o mapa sucessório. Entre os objetivos do mapa sucessório, destaca-se a possibilidade de entender quais são as pessoas que mais têm condições para assumir posições estratégicas e de maior complexidade, qual é a capacidade da empresa de desenvolver pessoas para posições que exigem mais, além de identificar as fragilidades no que diz respeito à sucessão.

Neste material, a gente explica o que é o comitê de sucessão, quais são seus objetivos, além de apresentar mais informações sobre o mapa sucessório.

O que é o comitê de sucessão?

Conforme abordamos, o comitê de sucessão é o momento em que a equipe discute sobre o mapa sucessório. Nele, são definidos quais são os níveis que discutirão os sucessores indicados. Exemplo: presidente e diretores vão definir os sucessores de ambos, enquanto líderes de áreas definem os sucessores de líderes de áreas.

Etapas do mapa sucessório

Antes de realizar a reunião do comitê de sucessão, há a avaliação das pessoas consideradas aptas para cargos mais estratégicos e de maior complexidade. Essa definição pode ser feita tanto por meio do processo de Avaliação de Desempenho quanto em reuniões gerenciais.

Depois, vai haver a definição dos critérios de corte dessas pessoas, de acordo com as necessidades da empresa. Entre os pontos que podem ser avaliados, destaca-se a consistência da performance da pessoa ao longo do tempo, as exigências do cargo (exemplo: necessidade de deslocar para outras sedes da organização), nível de desenvolvimento da pessoa, entre outros.

Reunião do comitê de sucessão

Já na reunião do comitê de sucessão, são discutidos quais são os critérios para que a pessoa seja considerada apta, conforme explicamos. Além disso, as pessoas da empresa indicam ordens de prioridade quanto às posições a serem ocupadas por sucessores, bem como estabelecem indicadores para acompanhar o processo de desenvolvimento.

Validação do mapa sucessório

Depois, é feita a validação do mapa sucessório. Nesse momento, um gestor com pelo menos um nível hierárquico acima das lideranças participa do processo. Também vai haver a consolidação do mapa sucessório, que discutirão quais são os aspectos críticos para a empresa, como:

  • quais são aquelas posições que não existem sucessores;
  • se há quantidade de sucessores de acordo com as necessidades da empresa, entre outros.

Depois da validação do mapa sucessório, de acordo com os critérios identificados como as necessidades da empresa, a equipe vai elaborar as ações gerenciais para as pessoas consideradas aptas — os planos de desenvolvimento individual.

Neste conteúdo, você pôde entender o que é o comitê de sucessão, qual é a sua função para a elaboração do mapa sucessório e como se alinha com o plano de sucessão como um todo. Conforme vimos, essas etapas são essenciais para que a empresa possa crescer e se desenvolver com cargos de maior complexidade ocupados por pessoas aptas, sem que haja prejuízo para as áreas caso tenha promoções ou saída de colaboradores.

Se você deseja se aprofundar no tema sobre plano de sucessão, continue no blog e acompanhe nosso outro material!