fbpx

Valorização da equipe: entenda como promovê-la!

Renan Araújo

valorização-da-equipe

Promover a valorização da equipe trará ganhos importantes para a empresa. Além de reconhecer e destacar o esforço e a dedicação das pessoas na organização, contribuirá de forma efetiva para a redução da taxa de turnover, para a redução do absenteísmo, além de possibilitar profissionais mais engajados em suas funções — algo essencial para um negócio no Brasil, uma vez o índice de pessoas engajadas é de apenas 27%, de acordo com um estudo da Gallup.

Pensando nisso, elaboramos este material para que você entenda um pouco mais sobre o que grandes líderes abordam sobre valorização da equipe, qual a importância disso para a empresa, além de conferir dicas de estratégias a serem adotadas pela organização. Continue a leitura e saiba mais!

O que os grandes líderes abordam sobre valorização da equipe?

Sam Walton, fundador da Wal Mart, no livro Made In América, afirma: “manter tanta gente motivada a fazer o seu melhor envolve uma série de programas e sistemas que desenvolvemos no Wal-Mart ao longo dos anos, mas nenhum deles funcionaria sem uma coisa muito simples que junta tudo: reconhecimento. Todos nós gostamos de ser elogiados. Então o que praticamos na empresa é procurar comportamentos que possamos elogiar. Busque coisas que estão dando certo. Queremos que nossa turma saiba quando estiver fazendo um trabalho excelente, e que saiba que são importantes para nós.” 

Richard Branson, fundador da Virgin, destaca sobre a necessidade de valorizar em vez de apenas apontar o que um colaborador faz de negativo para a empresa: “you shouldn’t be looking for people slipping up, you should be looking for all the good things people do and praising those.” 

Já Mary Kay Ash, fundadora da Mary Kay, destaca sobre a necessidade de externar os pontos positivos identificados nos colaboradores: “everyone wants to be appreciated, so if you appreciate someone, don’t keep it a secret.”

Qual a importância da valorização da equipe em uma empresa?

Em uma pesquisa realizada pela OfficeTeam, 89% dos gestores acreditam que as empresas reconhecem adequadamente seus profissionais. Porém, 3 em cada 10 desses colaboradores acreditam que a empresa falha nesse sentido.

Além disso, de acordo com um estudo feito pela Gallup, 65% dos profissionais que deixaram seus empregos não se sentiram devidamente valorizados. Em um outro de 2015 feito pela Aon, com 2005 organizações e mais de 2 milhões de profissionais espalhados em todo o mundo, o reconhecimento aparece como o segundo colocado quando o assunto é oportunidade chave para o engajamento dos colaboradores, perdendo apenas para oportunidades de carreira.

Já em um estudo realizado pela Psycometrics, 52% das pessoas afirmaram que o reconhecimento é um diferencial que lideranças deveriam se atentar para aumentar o engajamento do time.

Por fim, em um levantamento feito SHRM/Globoforce de 2015 que abordava especificamente sobre reconhecimento, foi observado uma redução de 31% dos pedidos de desligamento por parte dos profissionais em empresas que apostavam no reconhecimento — e organizações que contam com práticas mais sofisticadas de reconhecimento têm 12 vezes mais chances de obterem bons resultados.

Outros pontos de destaque quando o assunto é valorização da equipe:

  • Maior atração de profissionais qualificados, uma vez que as pessoas de seu time serão propagadoras da marca;
  • Redução da taxa de turnover e do absenteísmo;
  • Redução de custos, uma vez que demissão e contratação de novas pessoas rendem gastos para a empresa;
  • Maior efetividade do trabalho executado;
  • Melhorias para o clima organizacional; entre outros.

Como promover a valorização da equipe na empresa?

Agora que você já sabe o que grandes líderes pensam sobre valorização da equipe e conhece a importância disso para os resultados do negócio, chegou o momento de entendermos o que é possível ser feito para proporcionar esse diferencial. Confira!

Adote uma cultura de feedback em sua empresa

Feedback é o processo no qual uma pessoa contribui para o desenvolvimento da outra a partir de suas próprias percepções. Nesse caso, o papel da liderança é essencial na empresa. É ela quem vai garantir que a pessoa identifique seus pontos positivos, reflita sobre eles e possa direcionar esforços e tempo para o que proporciona bons resultados.

Além disso, traz a oportunidade para que o profissional possa desenvolver planos de ação focados em suas forças, contribuindo para trabalhar de forma mais inteligente e maximizando o seu potencial na empresa. De acordo com um estudo da Gallup, profissionais que recebem desenvolvimento baseado em pontos fortes tem maior envolvimento caso essa prática não seja aplicada  (entre 7% e 23%), melhor desempenho (entre 8% e 18%) e menor atrito com a equipe (entre 20% e 73%)

Porém, é preciso ter o cuidado para que o feedback positivo oferecido aos colaboradores não seja confundido com o feedback sanduíche (quando um feedback de melhoria é embalado por elogios). Se isso ocorrer com frequência, as pessoas tendem a não ouvir o reconhecimento, uma vez que é antecipado por algo negativo.

Outro ponto importante é o fato de o feedback poder ser privado ou público. Quando se tratar de elogio, o reconhecimento público tende a valorizar ainda mais a equipe, elevando a autoestima da pessoa que o recebe e educando outros profissionais sobre ações e comportamentos positivos que podem ser replicados.

Promova treinamentos na equipe

Entre as vantagens de promover treinamento para as equipes, destacamos:

  • melhorias para a produtividade do time;
  • melhor qualidade dos resultados;
  • transformação do clima organizacional;
  • estímulo ao surgimento de novas lideranças;
  • incentivo ao trabalho em equipe.

Por essa razão, o ideal é que as lideranças identifiquem quais são os gargalos enfrentados pelo seu time e quais são as opções de treinamentos disponíveis no mercado que suprem com essa dificuldade. Nas one-on-ones, por exemplo, importantes insights podem ser tirados para a escolha de capacitações que agreguem à equipe.

Invista na relação entre lideranças, liderados e lideradas

Por falar em one-on-one, investir na relação entre lideranças, liderados e lideradas deve ser uma das prioridades quando o objetivo é promover a valorização da equipe. Por meio delas, há uma sensação por parte do colaborador de que a empresa se preocupa com ele no nível pessoal e profissional, além de trazer a certeza àquele funcionário de que ele é ouvido na empresa.

Para a organização, vai haver um melhor fluxo de informações de baixo para cima, proporcionando medidas proativas em vez de reativas, além de estimular a relação entre gestor e liderado/liderada.

Com o objetivo de manter essa cultura firme, o ideal é que haja um respeito em relação às datas de one-on-one. Se houver a necessidade de desmarcar, elas devem ser remarcadas imediatamente. Durante os encontros, as lideranças devem deixar que as pessoas se abrirem, trazerem seus diferentes pontos de vista e debates para que o objetivo da ação seja alcançado.

Estimule novos desafios

Lideranças também devem continuamente estimular novos desafios aos colaboradores, pois essa é uma prova de que existe confiança de ambas as partes para iniciar outros projetos.

Como uma plataforma de gestão de desempenho contribuirá nesse sentido?

A seguir, explicamos como uma plataforma de gestão de desempenho contribuirá para a valorização da equipe. Veja!

Promover maior interação e transparência com as one-on-one

Conforme vimos, as reuniões de one-on-one são essenciais para a relação entre lideranças e profissionais. Por meio de uma ferramenta de gestão de desempenho, a equipe tem a oportunidade de adicionar pautas, salvar anotações sobre os tópicos debatidos, além de adicionar tarefas que devem ser feitas por ambas as partes.

Dessa forma, gestão e colaboradores conseguem se preparar previamente para as conversas, o que vai otimizar o encontro. Além disso, sairá com clareza sobre quais serão os próximos passos a serem desenvolvidos.

Entender como as pessoas do time estão se sentindo

Valorizar a equipe também significa entender como as pessoas estão se sentindo em um determinado período. Caso o sentimento esteja negativo, as lideranças podem atuar com mais proximidade para auxiliar a pessoa em suas dificuldades.

Por meio de uma ferramenta de gestão de desempenho, há pesquisas semanais baseadas em emojis, auxiliando líderes a entenderem como liderados e lideradas se sentem, oferecendo insights práticos sobre o que pode ser feito.

Dar elogios de forma prática

A ferramenta contribui, ainda, para que as pessoas possam dar elogios de forma prática e descontraída, em uma plataforma que se assemelha às redes sociais. Além de elogiar uma pessoa em si por uma prática positiva, há a possibilidade de dar elogios para todo o time, bem como reforçar os valores da empresa que estão presentes nessa ação pontuada.

Dar feedbacks instantâneos

Por fim, há a oportunidade de criar uma cultura de dar e receber feedbacks na equipe. Na plataforma, eles podem ser oferecidos ao time de forma voluntária, ou o pedido pode partir do próprio colaborador.

Neste conteúdo, você pôde entender um pouco mais sobre a visão de líderes em relação à valorização da equipe, quais são as práticas mais indicadas, bem como a importância que isso traz para o time. Conforme observamos, uma plataforma de gestão de desempenho atuará como uma importante aliada nesse sentido, contribuindo para que a equipe seja reconhecida e fique satisfeita com o espaço de trabalho.

Se você deseja conhecer mais informações, entre em contato com a gente, converse com nossos profissionais e saiba como podemos auxiliar!